Share

Sport vence Santos em Recife, mas vê o 5º rebaixamento no Brasileirão

Em um jogo de fraco nível técnico disputado neste domingo no estádio da Ilha do Retiro, em Recife, o Sport venceu o Santos por 2 a 1, mas acabou sendo rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro. Mesmo com o triunfo, o time pernambucano amargou o seu quinto rebaixamento na história do Brasileirão, no qual também caiu para a segunda divisão nacional em 1989, 2001, 2009 e 2012.

O Sport fechou a sua campanha com 42 pontos, em 17º lugar, e só conseguiu ser melhor do que América-MG, Vitória e o Paraná, os outros três que caíram para a Série B. O Santos, por sua vez, terminou o campeonato com 50 pontos e no 10º lugar, encerrando sua participação no Brasileiro sem empolgar o seu torcedor, que precisou se conformar apenas com uma vaga na Copa Sul-Americana

O confronto deste domingo também marcou a despedida do técnico Cuca, que no último dia 23 de novembro anunciou que precisará deixar o clube e o futebol para poder cuidar de sua saúde em 2019. Ele revelou que terá de tratar de um problema cardíaco, que o fará ser submetido a um cateterismo.

Necessitando de uma vitória e de um combinação complicada de resultados para permanecer na elite nacional, o time pernambucano pouco conseguiu fazer em campo para merecer se livrar da queda.

Aos 22 minutos, o Santos teve ótima chance de abrir o placar. Jean Mota recebeu na grande área e chutou, mas Mailson praticou bela defesa para salva o Sport. Pouco depois, a notícia de que o América-MG desperdiçou um pênalti contra o Fluminense, no Maracanã, fez a torcida do Sport explodir de alegria, mas ainda precisava acontecer muita coisa para a equipe recifense conseguir se manter na elite.

Aos 38 minutos. Mateus Gonçalves fez boa jogada pelo lado esquerdo e cruzou para Rogério, que finalizou de primeira para as redes.O segundo gol do time pernambucano saiu nos acréscimos, aos 46 minutos, quando Marlone cobrou falta e Hernane completou para as redes de cabeça. Pouco depois, aos 48, Rodrygo descontou para 2 a 1 em uma cobrança de falta, mas já era tarde demais para o Santos buscar uma reação. Foi um fim melancólico de campanha para a equipe alvinegra.

Foto: ADEMAR FILHO

Deixe seu Comentário